Aprovados INSS: Alessandra Pavan

16

aprovados_inss_alessandra_pavan_BLOG_alfacon

O AlfaCon aprova, sim, e aprova muito. Exemplo disto foi o último concurso do INSS, já que ¼ das vagas foram para Alfartanos dedicados e impulsionados pelo sonho de mudar de vida por meio da educação. A Alessandra Pavan é uma destas concurseiras que escolheu o melhor preparatório para concursos públicos do Brasil e conquistou a aprovação no Instituto Nacional de Seguro Social. Confira o depoimento da Alessandra e inspire-se com esta história.

“Sou de São Paulo/SP, tenho 35 anos e sou formada em Direito. Decidi estudar para concursos públicos por conta da instabilidade na iniciativa privada. Para o concurso do INSS, estudei aproximadamente um ano. Fiz um cronograma de estudos que contemplava duas matérias ao dia e exercícios.

Durante quase todo o período de preparação eu conciliava trabalho e estudo, mas alguns meses antes da prova o escritório onde eu trabalhava fechou e eu passei a me dedicar inteiramente aos estudos. De segunda a sexta-feira estudava em casa, aos sábados fazia um curso presencial no Alfacon/SP e aos domingos fazia simulados. Estudei apenas por vídeoaulas e apostilas do Alfacon, além das minhas anotações de aula.

Durante todo o período de preparação, estive motivada. Houve momentos de desânimo, mas por conta do cansaço. Jamais pensei em desistir, muitas vezes buscava motivação lendo depoimento de alunos aprovados. 

Abdiquei de muitas coisas, sim, família, amigos, festas. Reservava apenas um período do domingo (após a realização do simulado) para arejar a mente e fazer algo diferente que não fosse estudar. Sou casada, meu esposo e meus pais me apoiaram e aceitavam minha rotina, alguns amigos acabaram se afastando porque recusei muitos convites durante a preparação. 

Eu já havia feito outras provas antes do INSS e a experiência foi muito válida para verificar se estava no caminho certo ou se precisava fazer algum ajuste no meu cronograma de estudo. Além disto também é importante para nos adaptarmos ao tempo de prova. 

Antes do INSS, já havia feito outro curso presencial em São Paulo/SP e, por experiência própria, posso dizer que o Alfacon é diferenciado. Os professores, sem exceção, sempre foram atenciosos e motivados, obtive muito auxilio para esclarecimento de dúvidas, técnicas de estudos e elaboração de cronograma. Não utilizei muitas técnicas, apenas lia o conteúdo, fazia centenas de exercícios de provas anteriores e quando eu tinha mais dificuldade de memorizar eu fazia mapas mentais e fixava em um mural no meu local de estudos. 

Quando a prova se aproxima é difícil controlar a ansiedade, tomei muito chá de camomila e, claro, potencializei o meu estudo.

Acredito que a realização de muitas questões de provas anteriores e muitos simulados fizeram a diferença. No início da minha preparação houve falha, sim. Tinha dificuldades para organização, elaboração de plano de estudos e com a demora do edital acabei perdendo um pouco o foco, negligenciei alguns assuntos para estudar outros que não foram cobrados no concurso do INSS. Entendi que para conquistar o cargo é preciso ter muita paciência e persistência, a caminhada é árdua, mas a aprovação é certa”

Este foi apenas um dos muitos depoimentos dos aprovados INSS que vamos compartilhar com vocês nas próximas semanas. Aproveitem e deem uma olhadinha na história da Carlize de São Miguel do Oeste, Santa Catarina, também aprovada no INSS. E fiquem ligadinhos nas próximos postagens de aprovados AlfaCon.

>> Conheça o concurso sucessor do INSS

Comentários

comentarios