Auditor fiscal do trabalho: 1.107 postos vagos

272

auditor-fiscal-do-trabalho-1107-postos-vagos-alfacon

O Ministério do Trabalho e da Previdência Social (MTPS), também conhecido como Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), está com 1.107 postos vagos na carreira de Auditor Fiscal do Trabalho. Em setembro do ano passado o número era de 1.066 vagas em aberto, o que significa que em sete meses 41 servidores deixaram o quadro de pessoal do órgão. Os números preocupam com o passar dos meses, intensificando a necessidade de um novo concurso AFT.

O MTPS depende de autorização do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) para realizar um novo concurso de Auditor Fiscal. O ministério até chegou a pronunciar que liberaria 847 vagas entre 2015 e 2017, porém, devido aos cortes orçamentários, isto ainda não aconteceu. Fazendo acreditar que em 2017 seja aprovado um novo concurso do AFT. 

Vagas

São esperados 847 vagas para Auditor Fiscal do Trabalho.

Nível

Superior! Em qualquer área de atuação, devidamente registrado e fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Remuneração

R$ 16.201,64 (incluindo o atual auxílio-alimentação de R$ 458).   

O que faz um Auditor Fiscal?

Suas funções são: o cumprimento cumprir das disposições legais e regulamentares, inclusive as relacionadas à segurança e à medicina do trabalho, no âmbito das relações de trabalho e de emprego; verificação dos registros em Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), visando à redução dos índices de informalidade; verificação do recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), com o objetivo de maximizar os índices de arrecadação; e cumprimento de acordos, convenções e contratos coletivos de trabalho celebrados entre empregados e empregadores.

Fases do concurso

1. Provas Objetiva

  • Conhecimentos Básicos
  • Conhecimentos Específicos

2. Provas Discursivas

  • Direitos Humanos e (ou) Economia do Trabalho e (ou) Direito Constitucional e (ou) Direito Administrativo

    • 3 questões discursivas
    • 1 dissertação
  • Gestão de Projetos e (ou) Direito do Trabalho e (ou) Segurança e Saúde no Trabalho

    • 3 questões (situações problema)
    • 1 parecer técnico

3. Sindicância de vida pregressa

O que estudar?

Conhecimentos Básicos

  • Língua Portuguesa
  • Raciocínio Lógico
  • Direitos Humanos
  • Administração Geral e Pública
  • Noções de Informática

Conhecimentos Específicos

  • Direito Constitucional
  • Direito Administrativo
  • Auditoria
  • Economia do Trabalho
  • Direito do Trabalho
  • Seguridade Social
  • Legislação Previdenciária
  • Segurança e Saúde no Trabalho
  • Legislação do Trabalho
  • Contabilidade Geral

>> Curso Auditor Fiscal do Trabalho

Concurso AFT 2013

O concurso MTE 2013 ofertou 100 vagas, 95 geral e 5 para candidatos com deficiência, para o cargo de Auditor Fiscal com remuneração de R$ 14.280. A banca organizadora foi o Cespe/UnB.

  • Inscrições: 8 a 29/07/2013
  • Taxa: R$ 130
  • Provas: 08/09/2013

>> Curso gratuito AFT MTE 

Comentários

comentarios