Concurso PM TO: Saiu edital para soldado e oficial!

11153

Concurso PM TO: Edital publicado para soldado e oficial!

Finalmente foi publicado o tão aguardando edital do Concurso PM TO. São ofertadas 1.040 vagas, sendo 1.000 para o cargo de soldado e 40 para oficial.

O período para a realização das inscrições será a partir das 08h00min do dia 09/01/2018 às 14h00min do dia 09/02/2018, observado horário oficial de Brasília/DF, através do endereço eletrônico www.aocp.com.br.

Resultado de imagem para botão black friday desconto alfacon

Confira, logo abaixo, as principais informações sobre o certame:
  • Soldado:

1. ÓRGÃO: Polícia Militar
2. ESTADO: Tocantins
3. CARGO: Soldado
4. STATUS: Aberto
5. VAGAS: 1.000 (900 = Homens e 100 = Mulheres)
6. NÍVEL: Médio
7. REMUNERAÇÃO: R$ 4.455,46 (após formado)
8. BANCA: AOCP
9. DATA DA INSCRIÇÃO: 09/01/2018 até 09/02/2018
10. VALOR DA INSCRIÇÃO: R$ 80,00
11. DATA DA PROVA: 11/03/2018
12. NÚMERO DE QUESTÕES: 60
13. FORMATO: Múltipla Escolha
14. PROVA DISSERTATIVA (REDAÇÃO): Sim
15. QUANTIDADE DE REDAÇÕES CORRIGIDAS: Somente será corrigida a prova dissertativa do candidato que obter a pontuação mínima da Prova Objetiva e esteja dentro até 4 vezes o número de vagas, ou seja, total de 4.000 redações a serem corrigidas.
16. VALIDADE DO CONCURSO: dois anos, podendo ser prorrogado por igual período.

Matérias

  • Língua Portuguesa – 20 questões
  • Raciocínio Lógico e Matemático – 5 questões
  • Atualidades e Conhecimentos Regionais – 10 questões
  • Noções de Direito (Constitucional, Penal, Direitos Humanos e Penal Militar) – 10 questões
  • Noções de Informática – 5 questões
  • Normas Pertinentes à PM/TO – 10 questões

 

  • Oficial:

1. ÓRGÃO: Polícia Militar
2. ESTADO: Tocantins
3. CARGO: Oficial
4. STATUS: Aberto
5. VAGAS: 40 (36 = Homens e 4 = Mulheres)
6. NÍVEL: Superior
7. REMUNERAÇÃO: R$ 8.382,10 (após formado)
8. BANCA: AOCP
9. DATA DA INSCRIÇÃO: 09/01/2018 até 09/02/2018
10. VALOR DA INSCRIÇÃO: R$ 120,00
11. DATA DA PROVA: 11/03/2018
12. NÚMERO DE QUESTÕES: 60
13. FORMATO: Múltipla Escolha
14. PROVA DISSERTATIVA (REDAÇÃO): Sim
15. QUANTIDADE DE REDAÇÕES CORRIGIDAS: Somente será corrigida a prova dissertativa do candidato que obter a pontuação mínima da Prova Objetiva e esteja dentro até 4 vezes o número de vagas, ou seja, total de 160 redações a serem corrigidas.
16. VALIDADE DO CONCURSO: dois anos, podendo ser prorrogado por igual período.
Matérias
  • Língua Portuguesa – 15 questões
  • Raciocínio Lógico e Matemático – 5 questões
  • Atualidades e Conhecimentos Regionais – 10 questões
  • Noções de Direito (Direito Constitucional, Direito Penal, Legisação Especial, Direitos
  • Humanos, Direito Penal Militar e Direito Administrativo) – 15 questões
  • Noções de Informática – 5 questões
  • Normas Pertinentes à PM/TO – 10 questões

DOS REQUISITOS PARA O INGRESSO NA POLÍCIA MILITAR 
  • Cargo de Soldado

Para ser admitido na PMTO o candidato deverá ter logrado êxito em todas as etapas do concurso e preencher, nos termos da Lei Estadual nº 2.578, de 20 de abril de 2012 e legislações pertinentes, os seguintes requisitos:

  • a) Aprovação em todas as etapas do concurso público e classificação dentro do número de vagas;
  • b) Nacionalidade brasileira;
  • c) Idade mínima de 18 anos, no ato da inclusão na Corporação;
  • d) Idade máxima, no ato da inscrição no concurso público, de 30 anos;
  • e) Altura mínima de 1,63m, se do sexo masculino, e 1,60m, se do sexo feminino;
  • f) Conclusão do Ensino Médio (comprovado no ato do ingresso na Corporação);
  • g) Idoneidade moral, comprovada mediante apresentação de certidões policial e judicial, na forma prevista em Edital;
  • h) Comprovação negativa de sentença condenatória, transitada em julgado, em âmbito penal, penal militar e eleitoral;
  • i) Estar em dia com as obrigações eleitorais;
  • j) Se do sexo masculino, estar em dia com as obrigações do serviço militar;
  • k) Pleno exercício dos direitos políticos;
  • l) Compatibilização para nova investidura em cargo público;
  • m) Não ser ex-aluno ou ex-agente público, civil ou militar, desligado, demitido ou exonerado por incompatibilidade ou motivo disciplinar;
  • n) Procedimento irrepreensível e idoneidade moral ilibada,
  • avaliados segundo legislação vigente na Corporação e outras normas editadas pelo Comandante-Geral da PMTO.
  • o) Carteira Nacional de Habilitação – CNH, permissão válida para dirigir ou comprovante de aprovação junto ao Departamento Estadual de Trânsito – DETRAN, no mínimo na categoria “B”.

Cargo de Soldado – Concurso PM TO

O objeto do concurso é o preenchimento de 1.000 vagas do Curso de Formação de Soldados (CFSD) – da Polícia Militar do Estado do Tocantins (PMTO), distribuídas em 900  vagas para candidatos de sexo masculino e 100 vagas para candidatas de sexo feminino.

Etapas concurso PM TO

O Concurso Público será realizado em 5 (cinco) etapas, especificadas a seguir:

a) 1ª etapa, de caráter eliminatório e classificatório, consistirá em avaliação intelectual de conhecimentos, mediante a aplicação de Prova Escrita Objetiva de Múltipla Escolha e Dissertativa para mensurar conhecimentos gerais e específicos dos candidatos, e será realizada nos municípios de Araguaína, Araguatins, Arraias, Gurupi e Palmas, ou em outras localidades no Estado do Tocantins, caso o número de inscritos exceda a capacidade de alocação do município, divulgadas pela AOCP Concursos Públicos no endereço eletrônico www.aocp.com.br, de acordo com a demanda;
b) 2ª etapa, de caráter apenas eliminatório, consistirá na realização de Exame de Capacidade Física, pertinente ao exercício do cargo público, aplicado por comissão de profissionais habilitados em Educação Física que possuam registro no Conselho Regional de Educação Física, e será realizada somente no município de Palmas;
c) 3ª etapa, de caráter apenas eliminatório, consistirá na realização de Avaliação Psicológica, com base em critérios objetivos definidos no respectivo Edital, aplicado por profissionais habilitados em Psicologia que possuam registro no Conselho Regional de Psicologia, e
será realizada somente no município de Palmas;
d) 4ª etapa, de caráter apenas eliminatório, consistirá na realização de Avaliação Médica e Odontológica do candidato, a fim de verificar os atributos de saúde necessários para o exercício do cargo público, e será realizada somente no município de Palmas;
e) 5ª etapa, de caráter apenas eliminatório, consistirá na realização de Investigação Social do candidato, a fim de verificar sua idoneidade moral, vida pregressa, conduta incompatível etc, para o exercício do cargo público.

DO CARGO SOLDADO CONCURSO PM TO
  • O candidato que ingressar na Corporação será matriculado em Curso de Formação de Soldados;
  • Aluno-Soldado é o grau hierárquico do militar matriculado no CFSD;
  • O CFSD tem caráter eliminatório e classificatório, com duração estabelecida no plano de curso aprovado pela Diretoria de Ensino da corporação a ser publicado em boletim interno da Corporação, a ser realizado em Unidades da PMTO (Concurso PMTO), ou em outro local, conforme determinado pelo Comando-Geral da Polícia Militar, com início previsto após o processo seletivo.

Durante o período de formação, o subsídio do Aluno Soldado, em valores vigentes, é de R$ 2.215,10 (Dois mil, duzentos e quinze e setenta e cinco centavos), conforme previsto no anexo XLIV da Lei nº 3.174, de 29 de dezembro de 2016, publicada no Diário Oficial
nº 4.774, de 29 de dezembro de 2016, passível de alteração conforme mudança da legislação.

O Aluno-Soldado que obtiver aprovação no Curso de Formação, será promovido ao Cargo de Soldado do QPPM da Polícia Militar do Tocantins, com remuneração prevista de R$ 4.455,46 (quatro mil, quatrocentos e cinquenta e cinco reais e quarenta e seis centavos), conforme previsto no anexo XLIV da Lei nº 3.174, de 29 de dezembro de 2016, publicada no Diário Oficial nº 4.774, de 29 de dezembro de 2016, passível de alteração conforme mudança da legislação.

Atribuições do cargo Soldado PM TO
  • Cumprir os planos, normas e ordens emanadas do escalão superior; demonstrar equilíbrio emocional na atuação como servidor militar; atuar na atividade de policiamento ostensivo, nas suas mais diversas modalidades; demonstrar capacidade de trabalho em equipe com responsabilidade, lealdade e bom senso; atuar com disciplina, honestidade, sociabilidade e senso de organização; dirigir viaturas policiais; executar outros encargos e atividades de interesse da Corporação.

O Soldado desempenhará essencialmente atividade de execução, para tanto, o Aluno-Soldado, durante o curso de formação, será preparado para a execução das atividades de policiamento ostensivo geral nos seus diversos tipos, processos e modalidades.

DO PROCESSO DE SELEÇÃO
  • 1ª ETAPA – DA PROVA ESCRITA OBJETIVA DE MÚLTIPLA ESCOLHA E DISSERTATIVA:

A primeira etapa, de caráter eliminatório e classificatório, constará de uma prova dissertativa, consistindo em uma redação, e uma prova objetiva composta por 60 (sessenta) questões, com 5 (cinco) alternativas cada, sendo que cada questão terá apenas 1 (uma) alternativa correta.

Será considerado aprovado na Prova Escrita Objetiva o candidato que acertar no mínimo 50% (cinquenta por cento) do total de pontos, devendo ainda obter o mínimo de 1 (um) ponto em cada disciplina.

  • DA PROVA DISSERTATIVA

A Prova Escrita Dissertativa será realizada juntamente à Prova Objetiva, e terá o valor máximo de 20 (vinte) pontos. O candidato deverá obter, no mínimo, 30% (trinta por cento) da pontuação máxima possível na redação, para não ser eliminado do concurso público.

O candidato disporá de no mínimo, 20 (vinte) linhas e, no máximo, 30 (trinta) linhas para elaborar a redação da prova dissertativa, sendo desconsiderado para efeito de avaliação qualquer fragmento de texto que for escrito fora do local apropriado ou que ultrapassar a extensão máxima de 30 (trinta) linhas permitidas para a elaboração de seu texto.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Concurso PM TO

Língua Portuguesa:

Compreensão, interpretação e inferências de textos. Tipologia e Gêneros textuais. Variação Linguística. O processo de comunicação e as funções da linguagem. Relações semântico-lexicais, como metáfora, metonímia, antonímia, sinonímia, hiperonímia, hiponímia, reiteração, comparação, redundância e outras. Norma ortográfica. Morfossintaxe das classes de palavras: substantivo, adjetivo, artigo, pronome, advérbio, preposição, conjunção, interjeição, numerais e os seus respectivos empregos. Verbo. Concordância verbal e nominal. Regência nominal e verbal. Coesão e Coerência textuais. Sintaxe: relações sintático-semânticas estabelecidas entre orações, períodos ou parágrafos (período simples e período composto por coordenação e subordinação). Pontuação. Funções do “que” e do “se”. Fonética e Fonologia: som e fonema, encontros vocálicos e consonantais e dígrafos. Formação de palavras. Uso da Crase.

Raciocínio Lógico e Matemático Concurso PM TO:

Raciocínio Lógico e matemático: estruturas lógicas, lógica de argumentação, diagramas lógicos; Teoria de conjuntos; conjuntos numéricos: números naturais, inteiros, racionais e reais. Relações, Equações de 1º e 2º graus, sistemas. Inequações do 1º e do 2º grau; Funções do 1º grau e do 2º grau e sua representação gráfica; Matrizes e Determinantes, Sistemas Lineares, análise combinatória, geometria espacial, geometria de sólidos.

Atualidades e Conhecimentos Gerais:

Mundo Contemporâneo: elementos de política internacional e brasileira. Cultura internacional. Cultura e sociedade brasileira: música, literatura, artes, arquitetura, rádio, cinema, teatro, jornais, revistas e televisão. Descobertas e inovações científicas na atualidade e seus impactos na sociedade contemporânea. O desenvolvimento urbano brasileiro. História e Geografia do Estado do Tocantins; o movimento separatista; a criação do Estado; os governos desde a criação; Governo e Administração Pública Estadual; divisão política do Estado, clima e vegetação; hidrografia; atualidades: economia, política, desenvolvimento.

Noções de Direito:

DIREITO CONSTITUCIONAL: Dos princípios fundamentais; direitos e deveres individuais e coletivos; garantias dos direitos individuais, coletivos, sociais e políticos; Da nacionalidade; partidos políticos; Da Administração Pública; Defesa do Estado e das instituições democráticas: segurança pública; organização da segurança pública; Ordem social. Normas da Constituição do Estado do Tocantins pertinentes aos Militares do Estado, às polícias estaduais e à segurança pública em geral.
DIREITO PENAL: Infração penal: elementos, espécies; Sujeito ativo e sujeito passivo da infração penal; Tipicidade, ilicitude, culpabilidade, punibilidade; Imputabilidade penal. Crimes contra a pessoa; Abuso de Autoridade (Lei nº 4.898/65), Crimes Hediondos (Lei nº 8.072/90). Código Penal (Decreto-lei nº 2.848, de 7 de dezembro de 1940): Título XI – Dos Crimes Contra a Administração Pública.
DIREITOS HUMANOS: histórico dos direitos humanos; aspectos gerais; a Declaração Universal dos Direitos Humanos.
DIREITO PENAL MILITAR: Crime militar: conceito. Da violência contra superior ou oficial de serviço. Do desrespeito a superior e do vilipêndio a símbolo nacional ou farda. Da coação irresistível e da obediência hierárquica.

Noções de Informática Concurso PM TO:

Sistema operacional Windows 10. Microsoft Office 2013: Word, Excel, Power Point e Microsoft Outlook. Conceitos e tecnologias relacionados à Internet e a Correio Eletrônico. Navegadores de Internet. Conceitos básicos de segurança da informação.

Normas Pertinentes à PM/TO:

Lei Complementar nº 79, de 27/04/2012 – Dispõe sobre a organização básica da Polícia Militar do Estado do Tocantins, e adota outras providências. Lei nº 2.578, de 20/04/2012 – Dispõe sobre o Estatuto dos Policiais Militares e Bombeiros Militares do Estado do Tocantins, e adota outras providências.


NOTÍCIAS ANTERIORES…

 

Foi publicado o extrato de contrato da banca organizadora do Concurso PM TO. O próximo passo agora é a publicação do edital que pode sair a qualquer momento.

O edital sairá entre 8 a 12 de Janeiro e terá provas em Março.

Foi publicado nesta quinta-feira o extrato de homologação da AOCP, a banca vencedora que irá realizar o concurso PM TO. A próxima etapa é a publicação da dispensa de licitação e o contrato com a organizadora. O edital está previsto para ser publicado até o início de 2018. Confira!

AOCP vence a etapa final da licitação!

Foi publicado hoje, 05/12/2017, o resultado referente à nota final dos licitantes para a contratação da empresa responsável por realizar o concurso PM TO. A AOCP permanece ainda em primeiro lugar, seguindo da banca CONSUPLAN. Confira!

DOS RECURSOS: Abre-se prazo de 5 (cinco) dias para interposição de recursos, conforme disposto no Art. 109 da Lei 8.666/93. Ficam os demais Licitantes, intimados para, se de vosso interesse, apresentem suas contra-razões em igual prazo, que começará a contar a
partir do encerramento do prazo de razões, sendo-lhes assegurada vista imediata dos autos e aos recursos.

O concurso PM TO entrou na segunda fase de licitação e a AOCP foi a vencedora PRELIMINAR para organizar o novo certame. A segunda empresa que maior pontuou para a organização do novo edital foi a Consuplan e a terceira a Pró-Município.

Nesta terça-feira, 28/11, foi publicado no Diário Oficial do Estado o resultado preliminar da escolha da banca. Confira!

Resultado de imagem para botão black friday desconto alfacon

Fica marcado sessão para ocorrer no dia 29/11/2017 às 14h30min. (horário local) para continuidade do certame com a abertura dos envelopes proposta comercial, a ser realizado em sessão pública na sala de reuniões da Comissão Permanente de Licitação da Secretaria
da Fazenda no ANEXO IV, Edifício DONA YAYÁ, Quadra 103 Sul, Rua SO-07, Nº 05, Plano Diretor Sul.

Agora entramos na fase de recursos. Os interessados tem o prazo de até 5 dias para interpor recurso contra a vencedora da licitação e, posteriormente, será divulgado o resultado final e, caso a AOCP seja confirmada oficialmente e não tenha recurso contra ela nem nenhuma ilegalidade, será publicado o contrato com a banca organizadora.

”Abre-se prazo de 5 (cinco) dias para interposição de recursos, conforme disposto no art. 109 da Lei 8.666/93. Ficam os demais Licitantes, intimados para, se de vosso interesse, apresentem suas contra-razões em igual prazo, que começará a contar a partir do encerramento do prazo de razões, sendo-lhes assegurada vista imediata dos autos e aos recursos.”


Notícias anteriores do Concurso PM TO

Glauber de Oliveira Santos, comandante, afirmou que nesta quarta-feira o concurso já entra na segunda fase de licitação e que as provas estão previstas para serem realizadas ainda este ano.

”Estamos fazendo uma mobilização nacional para realizar esse concurso. Esperamos realizar as provas ainda este ano”, afirmou o comandante.

‘Esperamos mais de 100 mil candidatos concorrendo às mil vagas a soldado e 40 para servidor”, acrescentou.

Hoje as empresas das bancas organizadores já se reúnem para ter a documentação analisada. Confira:

>> Curso online PM/TO

Foi realizado dia 28/08 a concorrência pública para definir a banca organizadora para a realização do concurso da PM TO (Polícia Militar de Tocantins).

Ao todo serão ofertadas 1.040 vagas incluindo os cargos de oficial e soldado.

A primeira etapa da prova será realizada nas cidades de Palmas, Araguaína, Gurupi, Arraias e Araguatins, enquanto as demais serão realizadas somente em Palmas.

O resultado da banca será divulgado ainda esta semana.

Confira a distribuição das vagas:
PM TO
PM TO
DAS PROVAS:

A prova terá caráter eliminatório e classificatório e terá a matéria de redação.

Ao todo serão 60 questões e caráter múltipla escolha. Confira:


COMISSÃO CONCURSO PM TO

No fim do mês de julho, a Comissão de realização do concurso da Polícia Militar do Tocantins, para provimento de vagas no Curso de Formação de Oficiais e no Curso de Formação de Soldados, sofreu alteração e tem um novo presidente.

O cargo foi assumido pelo Coronel da PM Marcelo Falcão Soares, atual diretor de Ensino, Instrução e Pesquisa da Polícia Militar. A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado nº 4.672.

A comissão foi instituída no mês de janeiro deste ano e, desde então, trabalha para que o concurso da PM aconteça.

Com a realização desse concurso e o ingresso desses novos militares na instituição, a PM suprirá as vacâncias deixadas pelos policiais que se aposentarem nos próximos anos, e enriquecerá o efetivo em aproximadamente 25%.

Mesmo com esse concurso sendo realizado, daqui a 2 anos o efetivo será menor que o atual, porque estima-se que até 2018, pelo menos 1600 policiais devem ir para a reserva no Estado do Tocantins.

Isso fará com que a PM fique com um desfalque de 600 PMs.

Segundo o comandante, existe a necessidade de novos concursos, com uma maior quantidade de vagas, para atender o efetivo que o Estado precisa.

Quantas vagas serão ofertadas nesse concurso?

Serão 1000 vagas para o Curso de Formação de Soldados (CFSD) e 40 vagas para o Curso de Formação de Oficiais (CFO).

Qual a escolaridade exigida para o concurso?

O cargo de Soldado da PM exige ensino médio completo, já o de Oficial da PM exige nível superior em qualquer área de formação.

Qual a remuneração paga para ambos os cargos?

Para o cargo de Soldado da PM a remuneração é 4.056,67, e para Oficial é 9.255,21.

SOBRE O ÚLTIMO CONCURSO

O último concurso teve 29.865 inscrições, sendo 21.880 de homens e 7.985 de mulheres. A banca organizadora do concurso foi a Consulplan.

O certame foi para o preenchimento de 300 vagas no cargo de soldado.

Do total de vagas, 270 eram destinadas para candidatos do sexo masculino e 30 para candidatos do sexo feminino. Na época, o vencimento era de R$ 3.057,77, mais o auxílio alimentação.

Quais foram as etapas do último concurso?

A 1ª etapa, de caráter classificatório e eliminatório, consistiu em avaliação intelectual de conhecimentos, mediante a aplicação de Prova Escrita Objetiva de Múltipla Escolha e Discursiva para mensurar conhecimentos gerais e específicos dos candidatos.

A 2ª etapa, de caráter apenas eliminatório, consistiu na realização de Exame de Capacidade Física, pertinente ao exercício do cargo público.

Foi aplicado por comissão de profissionais habilitados em Educação Física que possuam registro no Conselho Regional de Educação Física, e foi realizada somente no município de Palmas;

A 3ª etapa, de caráter apenas eliminatório, consistiu na realização de Avaliação Psicológica, com base em critérios objetivos definidos no respectivo edital.

Foi aplicado por profissionais habilitados em Psicologia que possuam registro no Conselho Regional de Psicologia, e foi realizada somente no município de Palmas;

A 4ª etapa, de caráter apenas eliminatório, consistiu na realização de Exames Médicos e Odontológicos do candidato, a fim de verificar os atributos de saúde necessários para o exercício do cargo público, e foi realizada somente no município de Palmas;

A 5ª etapa, de caráter apenas eliminatório, consistiu na realização de Investigação Social do candidato, a fim de verificar sua idoneidade moral para o exercício do cargo público, e foi realizada somente no município de Palmas;

A 6ª etapa, de caráter eliminatório e classificatório, consistiu na habilitação do candidato em Curso de Formação de Soldados.

Foi promovida pela PMTO (as turmas foram distribuídas nas cidades de Palmas, Araguaína e Gurupi, conforme aquiescência do Comandante Geral da Polícia Militar do Tocantins).

Não houve reserva de vaga para portador de deficiência, em razão da exigência de aptidão plena para o exercício da atividade policial-militar.

Quais matérias foram cobradas no último concurso?

materias_ultimo_concurso

Requisitos para o cargo de Soldado da PM
  • Aprovação em todas as etapas do concurso público e classificação dentro do número de vagas estabelecida no Edital;
  • Nacionalidade brasileira;
  • Ensino médio completo;
  • Idade entre 18 e 30 anos;
  • Altura mínima de 1,63m para homens e de 1,60m para mulheres
  • Estar em dia com as obrigações eleitorais;
  • Se do sexo masculino, estar em dia com as obrigações do serviço militar;
  • Pleno exercício dos direitos políticos, entre outras exigências.
Concurso PC PA: 1/5 dos classificados são do AlfaCon!
 http://blog.alfaconcursos.com.br/concurso-policia-civil-do-para/

Comentários

comentarios