Início / 2017 / Concurso TRE-TO: banca organizadora escolhida

Concurso TRE-TO: banca organizadora escolhida

concurso_tre_to

Muito em breve deverá sair o edital de abertura do concurso público do TRE-TO (Tribunal Eleitoral do Estado do Tocantins). Depois de ter sido formada a comissão especial que atualmente vem coordenando os trâmites da nova seleção, ficou definida a banca organizadora que executará o concurso. Por meio do Diário Oficial da União de 1º de junho, o Cespe/etapas (Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos) foi a organizadora contratada para coordenar todas as etapas e também formular as provas. 

O órgão havia planejado um concurso para o início de 2016, porém decidiu anular a dispensa de licitação que homologava o Cespe como organizador. A expectativa é de que o edital saia ainda no mês de junho/2017. Durante a vigência do certame foram realizadas 29 nomeações para o cargo de Técnico e 13 nomeações para Analistas. Já foi encerrado no dia 07 de junho de 2015, o prazo de validade para o tribunal nomear habilitados no certame.

É previsto a abertura de de 8 vagas imediatas e mais formação de cadastro reserva nos cargos de:

  • Técnico Judiciário – Área Administrativa;
  • Técnico Judiciário – especialidade de Tecnologia da Informação;
  • Analista Judiciário – Área Judiciária;
  • Analista Judiciário – especialidade Contabilidade;
  • Analista Judiciário – Área Administrativa.

Remuneração
Para Analistas, a remuneração atual é de R$ 10.108,00 e para os Técnicos de R$ 6.160,75, além de auxílio alimentação no valor de R$ 884,00. Além disso, o Presidente da república já sancionou aumentos escalonados até 2019, o que deverá elevar a remuneração dos Técnicos para R$ 7.591,37 e chegará a R$ 12.455,30 para Analistas no fim do período de janeiro de 2019.

Atribuições
Analista Judiciário – Área Judiciária: Tem como atribuições executar atividades privativas de bacharel em Direito relacionadas com processamento de feitos e apoio a julgamentos e execução de mandados. O requisito para concorrer ao cargo é de nível superior na área do Direito.

Analista Judiciário – Área Administrativa: Executa atividades de nível superior, relacionadas com as funções de administração de recursos humanos, administração de recursos materiais e patrimoniais, orçamentários e financeiros, de controle interno, bem como as de desenvolvimento organizacional e de suporte técnico e administrativo às unidades organizacionais. O requisito do cargo é ter nível superior em qualquer área de formação.

Técnico Judiciário – Área Administrativa: Tem responsabilidade de executar atividades de nível médio relacionadas com as funções de administração de recursos humanos, materiais e patrimoniais, orçamentários e financeiros, controle interno, bem como as de desenvolvimento organizacional e suporte técnico e administrativo às unidades organizacionais. A exigência do cargo é de nível médio completo.

>> CURSO ANALISTA JUDICIÁRIO – ÁREA ADMINISTRATIVA DO TRE-TO

Provas
O último concurso teve provas objetivas de conhecimentos básicos e específicos para todos os cargos mais prova discursiva para os cargos de nível superior. As provas foram aplicadas na cidade de Palmas/TO nos turnos da manhã e tarde, pela FCC Fundação Carlos Chagas. 

Último Concurso
O último concurso realizado pelo TRE-TO ocorreu em 2011, contando com a participação de mais de 6 mil inscritos que disputaram vagas de Analista nas áreas Judiciária e Administrativa, assim como para Técnico Judiciário na área Administrativa. As remunerações na época eram de R$ 3.993,08 para Técnicos e de R$ 6.551,52 para Analistas, mais a vantagem pecuniária individual VPI de R$ 59,87 e auxílio alimentação no valor de R$ 599,21.

Veja também

receita_topo_email

Dicas para Receita Federal

A Receita Federal tem as remunerações mais altas dentre os concursos públicos para nível superior, ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *