PF e PRF: AUTORIZADO 500 vagas para cada órgão

6068

ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, afirmou nesta quarta-feira (28) que foi autorizado a contratar mil novos policias federais e rodoviários federais.

Em entrevista coletiva, Jungmann afirmou que, entre suas primeiras ações à frente da pasta da Segurança, acionou o Ministério do Planejamento para buscar garantias para a realização do trabalho. Jungmann tomou posse nesta terça-feira (27).

“Entramos em contato com o Ministério do Planejamento e ficou definido que teremos zero contingenciamento dos recursos do ministério de Segurança Pública neste ano”, disse o ministro.

“Sobre a necessidade e urgência de reforçar recursos humanos, especialmente na Polícia Federal e na Polícia Rodoviária Federal, estamos autorizados a fazer concursos, com 500 novos agentes para a Polícia Federal e 500 novos agentes na Polícia Rodoviária Federal”, completou.

Segundo o ministro, esses concursos para os órgãos policiais ainda não possuem data definida, mas devem acontecer ainda em 2018.

Jungmann afirmou que pretende duplicar o contingente de policiais federais em postos de fronteira. Segundo o ministro, o número passará a 300 agentes.

Ele também disse que vai reforçar a área de combate aos crimes de corrupção, com a realocação de 20 delegados. Segundo Jungmann, é uma “área que tem tido uma grande demanda”.

Policiais nas ruas

O ministro também disse que a pasta quer “policiais nas ruas”, por isso, vai conversar com os governos estaduais sobre o tema.

“Queremos policiais nas ruas, não como acontece no Rio de Janeiro, em que mais de 2500 policiais estão em atividades de outros órgãos, realizando outro tipo de atividade que não nas ruas”, afirmou.

Ele afirmou que objetivo é que o número de policiais em funções administrativas não passe de 2% do total da corporação.

Segundo o ministro, as medidas anunciadas nesta quarta são “iniciais” e voltadas para “gargalos”.

Fonte: G1

Comentários

comentarios