PM PR: Simulando a vida real

663

A rotina de um policial nunca é a mesma, e no 6º Batalhão da Polícia Militar do Paraná, que fica localizado em Cascavel, não poderia ser diferente. Além de todas as tarefas de segurança destinadas à população, uma vez por ano a corporação se reúne para organizar o Torneio de Tiro.

Neste ano, aconteceu a sétima edição do Torneio, que contou com policiais do BOPE do Rio de Janeiro, policiais de Santa Catarina, da Força Aérea, da Polícia Federal, da Polícia Civil, da Polícia Rodoviária Federal, do Depen Federal e do Depen Estadual.

Para deixar a situação ainda mais real, foi construída uma favela no pátio do 6º Batalhão, com direito a buracos, pontes, alvos móveis, fossos e bueiros. Para o policial José Antônio Junior, a oportunidade de participar de simulações assim agrega muito na rotina do policial, “os alvos impressos em tamanhos reais de proporção são uma experiência única, produzem um nível alto de adrenalina e isso faz você entrar em um túnel de visão e que faz com que você deixe despercebidos alguns relances da pista. Essa é a grande dificuldade”, afirma o policial.

Mas todo esse esforço traz recompensas: o primeiro lugar ganha uma motocicleta zero km, 250 cilindradas; o segundo e o terceiro lugares ganham armas de fogo. “Iniciativas como a do AlfaCon, de patrocinar esse torneio, com prêmios tão altos, são imensuráveis porque a competitividade aumenta a potencialidade de cada um. E se hoje 80 policiais participaram dessa simulação, isso vai se propagar por mais de 100 policiais que vão estar mais bem capacitados para atender a sociedade paranaense”, afirma o policial Rangel Calixto, segundo lugar na competição.

Quer saber o que o AlfaCon tem a ver com isso? Assista o vídeo e saiba tudo o que rolou!

 

Comentários

comentarios