Polícia Federal: “É possível trabalhar, estudar e ser aprovado”, diz Alfartano

1433

Conheça a história de quem se prepara para a PF

Já vimos muitas histórias de alunos que largam tudo, mudam de cidade e saem em busca de seus sonhos, não é? Muitos deles vêm ao presencial de Cascavel, mas há também aqueles que batalham pelo online. Júlio Cesar Neskovek Goulart é um deles, e é esta história que vamos conhecer por meio deste texto.

Com 26 anos e formado em Sistema de Informação, Júlio cursa pós-graduação em Engenharia de Software. Catarinense, morador de Criciúma, conheceu o AlfaCon por indicação de um amigo. Até então, não estudava para concursos, porém, depois de assistir ao primeiro vídeo do AlfaCon, decidiu começar a preparação para a Carreira Policial.

>> Estude gratuitamente

O objetivo inicial do Alfartano era conseguir a aprovação no concurso da Polícia Civil de Santa Catarina, mas como forma de treinamento se arriscou em outros concursos: Marinha, Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Sul, Tribunal Regional do Trabalho de Santa Catarina, Centro de Informática do Estado de Santa Catarina e Instituto Geral de Perícias.

Com apenas onze meses de preparação pela plataforma online, Júlio conseguiu a aprovação no concurso dos Bombeiros, além de conquistar o cargo que desejava, Agente da PC SC. Apesar disso, a história não para por aí, ele está em busca de um sonho ainda maior.

Conciliando trabalho e estudo, Júlio tem se dedicado para a Polícia Federal. “É possível trabalhar, estudar e ser aprovado no concurso público”, afirma o concurseiro.

>> Prepare-se você também!

Gostou? Confira o depoimento na íntegra e inspire-se:

Comentários

comentarios