Concurso IBGE: edital publicado com oferta de 35 vagas

30081

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística publicou o edital do primeiro concurso IBGE 2020. O documento foi publicado no Diário Oficial da União, ele oferta um total de 35 vagas, sendo elas uma para Agente Censitário Municipal (nível médio), quatro para Agente Censitário Supervisor (nível médio) e 30 para Recenseador (nível fundamental).

Inscrições

Os candidatos que tem interesse em concorrer a vaga, poderão inscrever-se pelo site da banca examinadora Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (Ibade). A taxa de inscrição é de R$ 42,50 para os cargos de Agente. Para os cargos e Recenseador é de R$ 25.

Os candidatos que declararem hipossuficiência da taxa de inscrição, que estiverem inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico e os candidatos doadores de medula óssea em entidades reconhecidas pelo Ministério da Saúde podem solicitar a isenção do pagamento da taxa de inscrição.

Remuneração

Para Agente Censitário Municipal, o valor é de R$ 2.100. Para Agente Censitário Supervisor, o valor pago é de R$1.700. Já para o cargo de Recenseador, o valor depende da produtividade do funcionário.

Edital com vagas para Agente e Coordenador!

Foi publicado nesta quarta-feira, 25 de setembro, um novo edital com 2.658 vagas imediatas. As vagas serão para os cargos de Agente Censitário Operacional (1.315 vagas) e Coordenador Censitário de Subárea (1.343), ambas de Nível Médio.

As inscrições começam no dia 25 de setembro e vão até o dia 15 de outubro de 2019, exclusivamente pela internet, no portal da Fundação Getúlio Vargas, banca organizadora da seleção.

O valor da taxa de inscrição foi fixado em R$ 42,50 para a função de Agente Censitário Operacional e R$ 58,00 para Coordenador Censitário de Subárea.

Os aprovador no concurso receberão remuneração de R$ 1.700 (agente)  e R$ 3.100 (coordenador)

Confira o Edital!

Vagas para Agente Censitário Operacional e Coordenador Censitário de Subárea

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) está se preparando para lançar mais um edital. O novo processo seletivo simplificado se trata de contratação temporária de mais de 3 mil profissionais.

As vagas serão para Agente Censitário Operacional e Coordenador Censitário de Subárea que irão atuar no Censo Demográfico 2020. Os dois cargos reúnem 3.210 vagas com remunerações nos valores de R$ 4.000,00 para Coordenador e R$ 1.800,00 para Agente.

A Fundação Getúlio Vargas – FGV já foi definida e contratada como organizadora. De acordo com informações da Folha Dirigida, o edital poderá sair ainda neste mês.

Vale lembrar que há mais vagas e cargos autorizados para provimento por meio de processo seletivo de contratação temporária. As seleções poderão ser publicadas até o mês de maio do próximo ano, como já anunciado anteriormente pelo órgão.

A FGV será a banca organizadora do concurso do IBGE!

Foi publicado no Diário Oficial da União o Extrato de Dispensa de Licitação que contrata a Fundação Getúlio Vargas (FGV) como a empresa responsável pelo novo processo seletivo simplificado do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (concurso IBGE).

O processo seletivo será para preenchimento de vagas para as funções de Coordenador Censitário de Subárea e Agente Censitário Operacional. São previstas 3.210 oportunidades para os cargos, as vagas fazem parte do montante de 234.416 oportunidades temporárias autorizadas pelo Instituto com o objetivo de realizar o Censo Demográfico 2020.

Comece a estudar agora!

As vagas para os dois cargos serão divididas da seguinte maneira

  • Coordenador Censitário da Subárea 1 – 600 vagas;
  • Coordenador Censitário da Subárea 2 – 850 vagas; e
  • Agente Censitário Operacional – 1.760

Para os cargos de Coordenador serão ofertadas remunerações iniciais no valor de R$ 4.000,00 e para o cargo de Agente Censitário Operacional, será no valor de R$ 1.800,00. Todos os cargos tem como pré-requisito nível médio.

Concurso IBGE vai ofertar ao todo mais de 235 mil vagas

O instituto AOCP foi o escolhido para organizar a seleção de 400 vagas para Analistas Censitários. As contratações são temporárias e são voltadas ao Censo Demográfico 2020

O IBGE já tem um edital publicado com 209 vagas para o Censo Experimental 2019As oportunidades são para Nível Médio e as inscrições estão abertas até o dia 9 de junho.

Novos editais devem sair em breve: são 234.416 vagas para Nível Fundamental e Médio para o Censo Demográfico 2020.

Sobre o Concurso:

As vagas para Analista Censitário do IBGE (Nível Superior) autorizadas pelo Ministério da Economia em 30 de abril serão lotadas nas capitais dos Estados. A informação, foi confirmada pela Assessoria de Imprensa do Instituto.

A ideia é que os candidatos sejam contratados até setembro para que iniciem as etapas de planejamento, acompanhamento e suporte especializado relativas ao Censo Demográfico 2020.

Concurso IBGE 2019: Saiu edital! 209 vagas para o Censo Experimental

As provas objetivas do Concurso IBGE 2019 estão marcadas para ocorrer no dia 21 de julho.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)  liberou hoje, terça-feira (21), o edital de abertura de inscrições do seu novo concurso público com um total de 209 vagas. A dta de inscrição está prevista entre os dias 22 de maio e 9 de junho de 2019. O processo seletivo será organizado pel Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (IBADE). Para participar basta acessar o site www.ibade.or.br, fazer o cadastro e pagar a taxa de inscrição que varia de R$ 25 a R$ 42,50

Confira abaixo os detalhes de cada vaga:

Além da remuneração, os candidatos também terão os seguintes benefícios:

  • Auxílio Alimentação
  • Auxílio Transporte
  • Férias e 13º salário proporcionais

Para as funções de Agente Censitário Municipal (ACM) e Agente Censitário Supervisor (ACS) terá duração de contrato de até  6 meses. A prova objetiva será composta de 60 questões. Já para a função de Recenseador, a prova objetiva terá 50 questões de multipla escolha. Além disso, a duração de contrato é de até 2 meses.

A prova será realizada na cidade de Poços de Caldas – MG e terá duração de 4 horas. Confira as disciplinas que serão cobradas:

Agente Censitário Municipal (ACM) e Agente Censitário Supervisor (ACS):

  • Língua Portuguesa
  • Raciocínio Lógico

Sobre os cargos ofertados:

Para as funções de Agente Censitário Municipal (ACM) e Agente Censitário Supervisor (ACS), a jornada de trabalho será de 40 (horas semanais, sendo 8 (oito) horas diárias.

Para a função de Recenseador, a jornada de trabalho recomendável é de, no mínimo, 25 horas semanais, além da participação integral e obrigatória no Treinamento.

Detalhes do Edital:

Concurso: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)

Escolaridade: Níveis fundamentais e médio

Número de vagas: 209

Remuneração: Até R$ 2.100,00

Data das inscrições: de 22 de maio até 9 de junho de 2019

Taxa de inscrição: de R$ 25 a R$ 42,50

Data da prova: 21 de julho de 2019

EDITAL

Concurso IBGE para temporários

O Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo – IBADE, ficará responsável pelo concurso IBGE temporários para os cargos de agente municipal, agente censitário supervisor e recenseador. Ao todo o certame ofertará 209 vagas para níveis fundamental e médio. A remuneração inicial varia de R$ 1.100 a R$ 2.400 a depender do cargo. Veja:

  • agente municipal – R$ 2.400 – ensino médio;
  • agente censitário supervisor – R$ 2.000 – nível médio;
  • recenseador – recebe por produção, pode variar o inicial até R$ 1.100 – nível fundamental
banca ibge
banca ibge

Edital autorizado para o Censo Experimental com mais de 200 vagas

Foi publicado nesta segunda-feira, 25 de março de 2019, a autorização para o Concurso IBGE temporários visando o provimento de no máximo 209 vagas para profissionais por tempo determinado. Os profissionais de que trata o caput poderão ser contratados a partir de julho de 2019 para atuar no Censo Experimental 2019. O prazo para publicação do edital de abertura de inscrições para o processo seletivo simplificado será de até 6 meses.

>> Confira nossos cursos do IBGE e comece a estudar agora com o Alfacon! Clique aqui <<

Vagas concurso IBGE temporários

As mais de 200 vagas serão distribuídas da seguinte forma:

Cargo Vagas
Agente Censitário Municipal 4
Agente Censitário Supervisor 25
Recenseador 180
Total 209

Confira a publicação no Diário Oficial:

Concurso IBGE 2019 autorizaçao
Concurso IBGE 2019 autorizaçao

Remuneração

A remuneração inicial varia de acordo com os cargos e a produtividade. Com base no último edital, a remuneração para recenseadores foi de R$ 2,6 mil; para os demais cargos pode variar de R$ 1,9 mil e R$ 2,9 mil.

Notícias Anteriores

Solicitadas 1.800 vagas para novo Concurso IBGE

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística pretende realizar um novo Concurso IBGE em breve para efetivos. Foram solicitadas 1.800 vagas para o Ministério do Planejamento, sendo 1.200 para o cargo de técnico de nível médio com remunerações de R$ 3 mil e as demais 600 vagas são para cargos de analista, de nível superior.

A solicitação foi protocolada na data de 15/12/2017 no MPOG. Confira!

Acesse aqui o protocolo completo.

Concurso IBGE 2019 terá a oferta de 300 mil vagas para todos os níveis!

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) já está planejando o novo concurso IBGE para 2019. A previsão é de que sejam abertas 300 mil vagas para cargos de níveis fundamental, médio e superior.

O concurso será realizado para viabilizar o próximo Censo Demográfico 2020. A informação do novo edital foi dada por Roberto Olinto, presidente do Instituto, na entrevista do lançamento do Censo Agropecuário. ‘‘O pesado de qualquer censo é a coleta, porque você contrata gente”, disse. Durante a coletiva de imprensa, o presidente também acrescentou “Ano ano que vem começa a acelerar, tomar decisões, em 2019 tem que fechar tudo. Em 2020 vai para a coleta”.

As oportunidades serão distribuídas entre os cargos de Recenseador, Agente Regional, Agente Administrativo, Agente Municipal, Agente de Informática e Agente Supervisor.

Último edital concurso IBGE

O último edital do concurso IBGE 2017 contou com 24.984 vagas temporárias, totalizando as 26.023 para o Censo Agropecuário (as outras 1.039 vagas compõem o primeiro edital), que não é feito desde 2006.

A autorização do concurso foi efetivada no dia 17/03, por meio de uma publicação do DOU (Diário Oficial da União). O destaque foi o cargo de Recenseador, que exigiu apenas o nível fundamental e com 18.845 vagas.
A remuneração variou de acordo com o número de coletas feitas, e os contratos, no caso dessa função, possuem duração de até cinco meses, com avaliações mensais. A carga de trabalho será de, no mínimo, 25 horas semanais.

Vagas e cargos 

Este primeiro edital ofertou 1.070 vagas, sendo 349 para agente censitário regional, exigindo nível médio e CNH (Carteira Nacional de Habilitação), 377 são destinadas para o cargo de censitário administrativo (nível médio), 174 de agente de informática ( médio/técnico), e 171 vagas de analista censitário (nível superior), onde será dividido em 18 especialidades.

Remuneração e benefícios

Esse edital contou com oportunidades também para quem possui o nível médio. São 6.139 vagas, sendo 1.272 para agente censitário municipal (nível médio e R$2.358), 23 no Rio, e 4.867 para agente censitário supervisor (médio e R$2.058), 81 no Rio. Para ambos, os contratos terão duração de até sete meses, também com avaliações mensais, porém, não há direito a auxílio-alimentação, 13º salário e férias remuneradas.

Para agente censitário regional, o inicial é de R$ 2.958,00. Para agente censitário administrativo, R$ 1.958,00. Agente de informática, tem a remuneração inicial de R$ 2.158,00, e para analista censitário, que pede nível superior, o inicial é de R$ 4.458,00. A carga de trabalho é de 40 horas semanais, sendo oito diárias. Para esses cargos, há direito a auxílios-alimentação de R$458 e transporte, além de 13º salário e férias remuneradas.

Contrato de trabalho

Para Analista Censitário, a duração do contrato está previsto para 13 meses, 10 meses para a função de Agente Censitário Administrativo, 9 meses para a função de Agente Censitário Regional e 7 meses para a função de Agente Censitário de Informática.

Data da prova

As provas objetivas ocorreram no dia 16 de julho. Foram 50 questões para os candidatos a agente censitário e 40 no caso do recenseador.

Disciplinas

As disciplinas e o número de questão foram respectivamente:
Analista Censitário, exceto Métodos Quantitativos – Língua Portuguesa (10), Conhecimentos Específicos (30) e Raciocínio Lógico Quântico (10).

Analista Censitário, área de conhecimento Métodos Quantitativos – Língua Portuguesa (15) e Conhecimentos Específicos (35).

Agente Cencitário Administrativo – Língua Portuguesa (15), Noções de Administração (25) e Raciocínio Lógico Quântico (10).

Agente Censitário Regional  – Língua Portuguesa (15), Noções de Administração e Situações Gerenciais (25) e Raciocínio Lógico Quântico (10).

Agente Censitário de Informática – Língua Portuguesa (10), Raciocínio Lógico (10) e Noções de Informática (30).

Banca organizadora

O instituto Brasileiro de Geografia e Estatística escolheu a banca FGV (Fundação Getúlio Vargas) como organizadora do concurso. A banca FGV é muito conhecida por organizar as provas da OAB.

Para mais informações sobre concursos, dicas e aulas gratuitas, acompanhe-nos nas redes sociais: