Concurso PF: urgente! Edital é oficialmente autorizado para 1.500 vagas

4780

Aguardado concurso PF (Polícia Federal) contará com oportunidades de nível superior na área policial. Até R$ 22,6 mil

Agora é oficial! Foi publicada nesta sexta-feira, 11 de dezembro, no Diário Oficial da União, a autorização formal do aguardado concurso PF (Polícia Federal). A oferta será efetivamente de 1.500 vagas, todas destinadas para as carreiras policiais. Todas as oportunidades são para cargos de nível superior, com iniciais de até R$ 22.672,48.

O prazo para a publicação do edital de abertura de inscrições será de seis meses, ou seja, até junho de 2021. Porém, a expectativa é de que a liberação ocorra muito antes, uma vez que a corporação já conta com o documento praticamente pronto, com a intenção inicial de liberar a seleção ainda em dezembro. Agora, o próximo passo é definir a banca organizadora, o que pode ser feito de forma rápida. Após este procedimento, o órgão poderá confirmar a data efetiva do início da seleção.

A distribuição oficial das vagas pelas carreiras é a seguinte: agente (893), delegado (123), escrivão (400) e papiloscopista (84). As remunerações iniciais das categorias são de R$ 11.983,26 para agente, escrivão e papiloscopista e R$ 22.672,48 para delegado.

Clique aqui e conheça nosso curso GRATUITO para o concurso da Polícia Federal!

Confira o documento:

Caso a corporação consiga publicar o edital ainda em dezembro, de acordo com a programação original, a aplicação das provas pode ocorrer em abril de 2021, com realização dos testes de aptidão física em junho e dois cursos de formação, respectivamente, em janeiro e junho de 2022.

A autorização governamental deve indicar um prazo de seis meses para a publicação do edital, ou seja, até junho de 2021. Mas a tendência é de que a liberação ocorra bem antes que este limite.

A distribuição oficial das vagas pelas carreiras passa a ser a seguinte: agente (893), delegado (123), escrivão (400) e papiloscopista (84). As remunerações iniciais das categorias são de R$ 11.983,26 para agente, escrivão e papiloscopista e R$ 22.672,48 para delegado.

De acordo com um cronograma extraoficial preliminar, ainda com a intenção de publicar o edital em dezembro, a aplicação das provas objetivas deveria ocorrer em abril de 2021, com realização dos testes de aptidão física em junho e dois cursos de formação, respectivamente, em janeiro e junho de 2022. É possível que estes prazos sofram poucas alterações, caso a corporação consiga definir a banca organizadora nos próximos dias e soltar o documento ainda em janeiro.

Leia mais: Concurso PF: perfil do candidato está mudando?

Concurso PF: também há expectativa de vagas nas áreas administrativas

Além das 1.500 vagas autorizadas para as carreiras policiais,  um outro concurso PF também é aguardado para o preenchimento de postos em cargos administrativos. Neste caso, o pedido já encaminhado ao Ministério da Economia é para 508 oportunidades, destinadas para quem possui ensino médio  e nível superior, com remunerações iniciais que variam de R$ 4.746,16 a R$ 7.841,95, com jornada de trabalho de 40 horas semanais

Para estas carreiras, a distribuição ocorre da seguinte forma: agente administrativo (349), administrador (21),  arquivista (8), assistente social (10), bibliotecário (1), contador (9),  economista (3), enfermeira (3), engenheiro (1), estatístico (4), farmacêutico (1), médico (65), nutricionista (1), odontólogo (11), psicólogo (5), técnico em assuntos educacionais (13) e técnico em comunicação social (3).

Leia também: “Só não passa quem desiste”, diz aprovada no concurso da PF 

Destas opções, o destaque é para a carreira de agente administrativo, que pede apenas ensino médio e conta com remuneração inicial de R$ 4.746,16, incluindo 2.279,16 de salário básico e R$ 2.467 de gratificação de desempenho de atividade de apoio técnico administrativo.

Para os demais cargos, que pedem nível superior, a remuneração, exceto para os médicos,  é de R$ 5.776,47, incluindo salário básico de R$ 2.402,74 e gratificação de atividade de apoio técnico administrativo de R$ 3.374.

Para os médicos, o inicial é de R$ 7.841,95, incluindo o salário básico de R$ 4.804,95 e a gratificação, no valor de R$ 3.037.

Último concurso PF (Polícia Federal)

Iniciado em 2018, o último concurso PF contou com uma oferta de 500 vagas, sendo 150 para delegado, 60 para perito criminal, 80 para escrivão, 30 para papiloscopista e 180 para agente. Ao todo, a seleção registrou 147.744 inscritos. Para todos os cargos foi exigida formação de nível superior, com iniciais de R$ 11.983,26 para agente, escrivão e papiloscopista e R$ 22.672,48 para delegado e perito.

No ano de 2013, outro concurso da Polícia Federal foi realizado e ofereceu 566 vagas, sendo 534 para agente administrativo, com opções em todos os estados. Para nível superior, as oportunidades foram para o Distrito Federal. A banca organizadora foi o Cespe e a prova objetiva contou com 120 itens para todos os cargos, sendo 50 sobre conhecimentos básicos e 70 de conhecimentos específicos, além de prova discursiva para os cargos de nível superior.

Para agente administrativo, a parte de conhecimentos básicos contou com temas sobre língua portuguesa, noções de informática, raciocínio lógico, atualidades, noções de direito administrativo e noções de direito constitucional.

Para os cargos de nível superior, a parte de conhecimentos básicos versou sobre língua portuguesa, raciocínio lógico, noções de informática, noções de direito administrativo e noções de direito constitucional.

| Veja mais notícias aqui! |