Exército: inscrições para oficiais e capelães vão só até esta quarta (5)

103

Encerra-se às 15h desta quarta-feira (5) o período de inscrições para o concurso Exército com 41 vagas para admissão aos cursos de formação de oficiais do quadro complementar e de capelães.

Para o quadro complementar, há chances nas áreas de administração (3), ciências contábeis (2), direito (3), estatística (2), informática (3), pedagogia (1), psicologia (1), enfermagem (5), veterinária (2), magistério – biologia (2), magistério – espanhol (2), magistério – física (2), magistério – geografia (2), magistério – história (2), magistério – inglês (2), magistério – matemática (1), magistério – português (1) e magistério – química (2).

Das três oportunidades destinadas a capelães, duas são para padre católico e uma para pastor evangélico.

Os interessados podem se inscrever somente pela internet, mediante o preenchimento de formulário disponível no site http://www.esfcex.eb.mil.br/. O valor da taxa é de R$ 120.

Concurso Exército: quem pode concorrer como oficial e capelão

Todas as vagas exigem curso superior nas respectivas áreas de atuação. De acordo com o edital, os demais requisitos para participação incluem:

  • altura mínima de 1,55m (mulheres) e 1,60m (homens);
  • idade até 32 anos (para oficiais);
  • idade entre 30 e 40 anos (para capelães).

O que cai na prova

Com duração de quatro horas e aplicação agendada para 13 de setembro, o exame intelectual do concurso Exército terá a seguinte estrutura:

  • 70 questões objetivas para oficiais (abordando língua portuguesa, história do Brasil, geografia do Brasil e conhecimentos específicos);
  • 40 perguntas objetivas e uma discursiva para capelães (versando sobre língua portuguesa e conhecimentos específicos).

Nas demais fases, os candidatos passarão por verificação documental, análise de títulos (apenas para capelães), inspeção de saúde, exame de aptidão física e avaliação psicológica, entre novembro deste ano e fevereiro de 2021.

Concurso Exército: situação após a incorporação

Os aprovados para o quadro complementar realizarão curso de formação com duração de 37 semanas, na Escola de Formação Complementar do Exército (EsFCEx), em Salvador/BA, exceto os profissionais da área da saúde, cuja preparação ocorrerá na Escola de Saúde do Exército (EsSEx), no Rio de Janeiro/RJ.

No caso dos capelães, a formação envolverá atividades na EsFCEx, além da Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), em Resende/RJ, da Escola de Sargentos das Armas (ESA), em Três Corações/MG, do Corpo de Tropa na Guarnição de Brasília/DF e em unidades da 6ª Região Militar, com abrangência na Bahia e Sergipe.

Após a formatura, os militares do quadro complementar serão nomeados ao posto de primeiro tenente, enquanto os capelães obterão a graduação de segundo tenente, com vencimentos de R$ 8.245 e 7.490, respectivamente, conforme a tabela de salários de 2020 das Forças Armadas.

Seção: Concursos

Esfera: Federal

Estados: AC,AL,AM,AP,BA,CE,DF,ES,GO,MA,MG,MS,MT,PA,PB,PE,PI,PR,RJ,RN,RO,RR,RS,SC,SE,SP,TO

Áreas: Forças Armadas

Órgão: Exército

Descrição: Destinado a preencher 41 vagas, concurso Exército tem oportunidades para profissionais com formação em administração, estatística, pedagogia, psicologia, direito, informática, enfermagem, teologia, entre outras áreas

Cargos: Oficial,Capelão

Escolaridades: Ensino Superior

Vagas: 41

Salario: de R$ 7490.00 até R$ 8245.00

Abertura Inscrições: 17/06/2020

Encerramento Inscrições: 05/08/2020

Taxa Inscrição: de R$ 120.00 até R$ 120.00

Data Prova: 13/09/2020