Concurso TCU: publicada nova autorização para edital de auditor

279

Concurso TCU (Tribunal de Contas da União) será para 20 vagas de auditor de controle externo, com exigência de nível superior e inicial de R$ 21,9 mil

Boa notícia para quem pretende ingressar no funcionalismo público. Acontece que o novo concurso TCU (Tribunal de Contas da União) para a carreira de auditor federal de controle externo (AUFC) está oficialmente autorizado. O aval acaba de ser publicado no diário oficial da União desta quarta-feira, 26 de maio. O documento prevê o preenchimento de 20 vagas iniciais, além de formar cadastro reserva de pessoal para possível provimento daquelas vagas decorrentes de eventuais vacâncias ocorridas durante o prazo de validade do concurso, observado o interesse da administração.

Com o aval, os próximos passos são formar a respectiva comissão organizadora e definir o nome da banca. Somente então poderá ser divulgada uma previsão de quando o edital poderá ser efetivamente publicado.

💡📚 Conheça nosso curso GRATUITO para o concurso TCU: Auditor Federal de Controle Externo

Para concorrer ao cargo é exigida formação de nível superior em qualquer área, com inicial de R$ 21.947,82, com jornada de trabalho de 40 horas semanais

Além disso, os servidores do órgão também contam com benefícios, incluindo auxílio pré-escola de R$ 791,58, auxílio alimentação de R$ 1.011,04 e assistência médica de R$ 174,48, além de auxílio-transporte.

O concurso já chegou a ser autorizado em março de 2020. Porém, acabou não se concretizando. Na época, chegou a ser formada uma comissão, que ainda deverá ser confirmado se poderá  ser mantida.

Um ponto já confirmado é que a lotação das vagas será em Brasília.

Concurso TCU: veja autorização oficial

EDITAL Nº 1 – TCU/AUFC, DE 25 DE MAIO DE 2021

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO

DE RESERVA PARA O CARGO DE AUDITOR FEDERAL DE CONTROLE EXTERNO

O Instituto Serzedello Corrêa (ISC/TCU) torna pública a autorização da Presidente do Tribunal de Contas da União (TCU) para a realização de concurso público destinado ao provimento de 20 vagas para o cargo de Auditor Federal de Controle Externo (AUFC) em Brasília/DF e formação de cadastro de reserva para possível provimento daquelas vagas decorrentes de eventuais vacâncias ocorridas durante o prazo de validade do concurso, observado o interesse da Administração.

Os detalhes e regras do concurso serão divulgados no edital de abertura de inscrições.

Fica revogado o Edital nº 01 – TCU/AUFC, de 28 de fevereiro de 2020, publicado no Diário Oficial da União (DOU) nº 41, de 2 de março de 2020.

ANA CRISTINA MELO DE PONTES BOTELHO

Presidente do Concurso

Concurso TCU: Saiba como foi a última seleção

O último concurso TCU  para auditores foi realizado em 2015, com uma oferta de 66 vagas, sendo 30 para auditoria de tecnologia da informação em Brasília e as demais para auditoria governamental, para as cidades de Rio Branco (AC), Macapá (AP), Manaus (AM), Brasília (DF), Cuiabá (MT), Belém (PA) e Boa Vista (RR).

A banca  foi o Cespe/UnB, atual Cebraspe, e a prova contou com 200 itens, sendo 100 de conhecimentos gerais e 100 de conhecimentos específicos, além de duas provas discursivas, sendo a primeira com duas questões de conhecimentos gerais e a segunda com uma questão e uma peça técnica de conhecimentos específicos.

Em conhecimentos gerais foram cobrados temas de língua portuguesa, língua inglesa, raciocínio analítico, matemática financeira, noções de estatística, controle externo, direito constitucional, direito administrativo, direito civil, direito processual civil, direito penal, auditoria governamental e análise de informações.

Para auditoria governamental, na parte de conhecimentos específicos, noções de economia do setor público e da regulação, contabilidade I – contabilidade geral, análise das demonstrações contábeis, contabilidade de custos, contabilidade pública, administração financeira e orçamentária e administração pública.

Para a área de tecnologia da informação: gestão, governança de TI e engenharia de software, desenvolvimento de sistemas, infraestrutura de TI, segurança da informação e fiscalização de contrato de tecnologia da informação.

| Veja mais notícias aqui! |

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here