Concurso PC BA 2019: Governador reafirma novo concurso para este ano

48252

O Governador da Bahia, Rui Costa, reafirmou a realização do novo concurso da Polícia Civil da Bahia (PC BA).  De acordo com Costa, os editais serão publicados em breve. O certame deve ofertar vagas para as carreiras de Delegado, Escrivão e Investigador.

Em abril, quando anunciou o certame, o Rui Costa disse que o Governo pretende completar o provimento de rodízio e finais de semana com delegados e policiais. O novo concurso já se encontra em fases de estudo para a definição do número de vagas contemplados.

Remuneração

Para Investigador e Escrivão o salário inicial é de R$ 1.128,06, acrescido de Gratificação de Atividade de Polícia Judiciária (GAPJ I).

Para Delegado, o inicial é de R$ 4.593,72, acrescido de Gratificação de Atividade Judiciária (GAJ I).

Requisitos

Delegado:
Diploma, devidamente registrado, de conclusão do curso de bacharelado em Direito, reconhecido pelo Ministério da Educação – MEC.

Escrivão:
Diploma, devidamente registrado, de conclusão do curso superior, devidamente registrado no Ministério da Educação – MEC, bem como Carteira Nacional de Habilitação (CNH), categoria “B”, no mínimo.

Investigador:
Diploma, devidamente registrado, de conclusão do curso superior, devidamente registrado no Ministério da Educação – MEC.

Rui Costa anuncia novo concurso PC BA

Rui Costa, governador da Bahia, anunciou em fevereiro que ainda este ano terá um novo concurso PC BA. O quantitativo de vagas e os cargos ainda não foram anunciados, mas a previsão é que oferte vagas para os cargos de delegado, escrivão e investigador. A previsão da publicação do novo certame é até o final do ano.

“Vamos realizar este ano um novo concurso para a Polícia Civil e um Para Polícia Militar. Na Polícia Civil, no ano passado, ao concluirmos o concurso, não conseguimos preencher todas as vagas, nem de delegados e nem ade agentes. Vamos fazer um novo concurso para que possamos ter um maior número de delegados e atender a um pleito das mulheres da Bahia, um pleito das nossas deputadas que é ampliação de DEAMs em várias regiões do nosso estado”, disse o governador, durante sessão solene realizada no dia 4 de fevereiro de 2019.

=> Curso GRATUITO para a PC/BA. Clique aqui e inscreva-se! <=
Resultado de imagem para botão curso gratuito

As remunerações iniciais variam de R$1074  e R$4,374 a depender das funções. Os candidatos serão submetidos a provas objetivas e discursivas, exames biomédicos, teste de aptidão física, psicotécnico, prova de títulos, além de investigação social e de conduta pessoal.

DOS CARGOS

Cargo Escolaridade/Pré-requisito
Delegado de Polícia Diploma, devidamente registrado, de conclusão do curso de bacharelado em Direito, reconhecido pelo Ministério da Educação – MEC.
Investigador de Polícia Diploma de conclusão de curso superior, devidamente registrado no Ministério da Educação – MEC, bem como Carteira Nacional de Habilitação (CNH) válida, categoria “B”, no mínimo.
Escrivão de Polícia Diploma de conclusão de curso superior, devidamente registrado no Ministério da Educação – MEC.


DA REMUNERAÇÃO DOS CARGOS PARA O CONCURSO PC BA

Para os cargos de Investigador de Polícia e de Escrivão de Polícia a remuneração inicial é constituída pelo vencimento básico no valor de R$ 1.074,34 (mil setenta e quatro reais e trinta e quatro centavos), acrescido de Gratificação de Atividade de Polícia Judiciária (GAPJ I), equivalente a R$ 925,38 (novecentos e vinte e cinco reais e trinta e oito centavos), podendo ser acrescida de outras vantagens em razão da submissão à jornada de trabalho de 40 horas semanais, hipótese em que a remuneração poderá atingir o valor de R$ 3.915,85 (três mil, novecentos e quinze reais e oitenta e cinco centavos).

Para o cargo de Delegado de Polícia a remuneração inicial é constituída pelo vencimento básico no valor de R$ 4.374,97 (quatro mil, trezentos e setenta e quatro reais e noventa e sete centavos), acrescido de Gratificação de Atividade Judiciária (GAJ I), equivalente a R$ 412,71 (quatrocentos e doze reais e setenta e um centavos), podendo ser acrescida de outras vantagens em razão da submissão à jornada de trabalho de 40 horas semanais, hipótese em que a remuneração poderá atingir o valor de R$ 11.389,96 (onze mil, trezentos e oitenta e nove reais e noventa e seis centavos).

Gabarito PC BA: prova divulgada! Confira os comentários dos professores!

Último edital concurso PC BA

O certame anterior ofertou o total de 1000 vagas, distribuídas da seguinte forma: 82 vagas para delegado, 880 vagas para investigador e 38 vagas para escrivão.

A banca organizadora responsável pela organização do certame foi a Fundação para o Vestibular da Universidade Júlio de Mesquita Filho (Fundação Vunesp).

Confira o raio-x que fizemos logo após a abertura do edital 2018:

Todas as etapas do Concurso PC BA foram realizadas na cidade de Salvador – BA.

Confira, logo abaixo, as principais informações sobre o concurso PC BA 2018

  • ÓRGÃO: Polícia Civil
  • ESTADO: Bahia
  • CARGOS E VAGAS:
    Investigador de Polícia – 880
    Escrivão de Polícia – 38
  • REMUNERAÇÃO: R$ 3.915,85
  • NÍVEL: Superior
  • BANCA: Vunesp
  • DATA DA INSCRIÇÃO: 01/02/2018 até 09/03/2018
  • VALOR DA INSCRIÇÃO: R$ 140,00
  • DATA DA PROVA: 22/04/2018 – Manhã – 5h de duração
  • NÚMEROS DE QUESTÕES: 100 (30 básicas e 70 específicas)
  • FORMATO: Múltipla Escolha
  • PROVA DISSERTATIVA: Sim, Questões dissertativas
  • QUANTIDADE DE PROVAS DISSERTATIVAS A SEREM CORRIGIDAS: Melhores classificados na 1ª Etapa: Provas Objetivas, na forma até o limite de x 1,5 (um e meio), ou seja:
    Investigador: 1320
    Escrivão: 58
  • VALIDADE DO CONCURSO: 1 (um) ano, podendo ser prorrogado por igual período à critério da Administração.

Matérias

CONHECIMENTOS BÁSICOS (para ambos os cargos)

  • Língua Portuguesa
  • Informática
  • Raciocínio Lógico
  • Atualidades
  • Promoção da Igualdade Racial e de Gênero
  • Medicina Legal
  • Noções de Administração
  • Leis Específicas

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS – INVESTIGADOR

  • Noções de Direito Penal
  • Noções de Direito Processual Penal
  • Legislação Penal Extravagante
  • Noções de Direito Constitucional
  • Noções de Direito Administrativo

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS – ESCRIVÃO

  • Noções de Direito Penal
  • Noções de Direito Processual Penal
  • Legislação Penal Extravagante
  • Noções de Direito Constitucional
  • Noções de Direito Administrativo
  • Noções de Estatística
  • Noções de Arquivologia

DAS ETAPAS:

O Concurso Público para provimento dos cargos de Delegado de Polícia, de Investigador de Polícia e de Escrivão de Polícia de que trata este Edital será composto das seguintes etapas:

a) 1ª Etapa: Provas Objetivas para todos os candidatos inscritos, de caráter eliminatório e classificatório, sob a responsabilidade da Fundação VUNESP.

b) 2ª Etapa: Prova Discursiva para todos os candidatos inscritos, de caráter eliminatório e classificatório, realizada juntamente com as Provas Objetivas, sob a responsabilidade da Fundação VUNESP.

c) 3ª Etapa: Exame Biomédico, de caráter eliminatório, aplicada para todos os candidatos habilitados na 2ª Etapa: Prova Discursiva, sob a responsabilidade da Fundação VUNESP.

d) 4ª Etapa: Teste de Aptidão Física, de caráter eliminatório, aplicada a todos os candidatos aptos na 3ª Etapa: Exame Biomédico, sob a responsabilidade da Fundação VUNESP.

e) 5ª Etapa: Exame Psicotécnico, de caráter eliminatório, aplicada a todos os candidatos aptos na 4ª Etapa: Teste de Aptidão Física, sob a responsabilidade da Fundação VUNESP.

f) 6ª Etapa: Prova de Títulos, de caráter classificatório, aplicada a todos os candidatos habilitados na 5ª Etapa: Exame Psicotécnico, sob a responsabilidade da Fundação VUNESP.

g) 7ª Etapa: Investigação Social e de Conduta Pessoal – de caráter eliminatório, realizada durante todo o certame até a nomeação do candidato, sob a responsabilidade da Polícia Civil do Estado da Bahia – PC/BA

DA 1ª ETAPA: PROVAS OBJETIVAS

As Provas Objetivas de Conhecimentos Gerais e de Conhecimentos Específicos tiveram caráter eliminatório e classificatório e foram avaliadas na escala de 0 (zero) a 100,00 (cem) pontos. Foi considerado habilitado nas Provas Objetivas o candidato que, cumulativamente, obteve na soma dos pontos nota igual ou superior a 70,00 (setenta) pontos.

DA 2ª ETAPA – PROVA DISCURSIVA

A Prova Discursiva foi aplicada no mesmo dia e período das Provas Objetivas. Somente foram corrigidas as Provas Discursivas dos candidatos habilitados e melhores classificados na 1ª Etapa: Provas Objetivas até o limite de 1,5 (um e meio) vezes o número de vagas previstas por cargo, incluindo os empatados na última posição, ficando os demais candidatos reprovados e excluídos do Concurso Público para todos os efeitos.

Para mais informações sobre concursos, dicas e aulas gratuitas, acompanhe-nos nas redes sociais:

Comentários

comentarios